A Fundação Serra Henriques foi instituída em 1997 com a missão estatutária de realizar e promover acções de carácter cultural, científico e educativo de interesse público nos domínios da qualidade de vida das pessoas e do ambiente.

As organizações sem fins lucrativos desempenham um papel cada vez mais relevante na sociedade, mobilizando acção privada para o bem público. A par das missões dos governos e das autoridades locais, a Fundação Serra Henriques procura ser uma instituição ágil na criação de sinergias em rede, estabelecer conexões úteis entre iniciativas de mérito e maximizar recursos, contribuindo desse modo para a eficácia e desenvolvimento global.


Mensagem da Presidente da Fundação Serra Henriques

O ano de 2020 foi condicionado por restrições operacionais de ordem pública mas o empenho e a determinação de todos permitiu prosseguir e concretizar cinco realizações expressivas e em destaque:


• Em parceria com o município de Almada e com a vontade de criar um espaço de cultura multidisciplinar, nasceu em Porto Brandão o novo polo da Fundação Serra Henriques dedicado a exposições culturais, conferências e oficinas artísticas;
• A oitava edição do Archiprix - afirmação enquanto prémio nacional para o ensino da arquitectura e o máximo reconhecimento de excelência por parte de todas as universidades portuguesas;
• O arranque do programa New Ways para o estudo da intervenção em dezenas de estações ferroviárias desactivadas por todo o país;
• A participação no Innovation District, em colaboração com a Universidade Nova, para o lançamento de uma nova geografia de inovação e internacionalização na região da grande Lisboa;
• A publicações de quatro livros, co-editados com o Governo e a Academia, que sintetizam a missão e os desafios dos nossos programas plurianuais.


Rita Pinto Coelho



A Fundação Serra Henriques tem sede no prédio nº 1 da Rua da Imprensa à Estrela, propriedade do seu fundador. De frente encontra-se o palacete de São Bento mandado construir no ano de 1877 pelo comendador Joaquim Machado Cayres para sua residência familiar. Sua filha Gertrudes Cayres Serra Henriques e o marido Luís Serra Henriques não deixaram descendência, tendo este criado a Fundação com o seu nome. A propriedade de dois hectares também incluía, desde 1598, o então Convento de São Bento, hoje Assembleia da República Portuguesa. A partir de 1937 o palacete tornou-se a Residência Oficial do Primeiro-Ministro.


Galeria de imagens dos Jardins de São Bento